Presidente da Motorola deixa a Lenovo


executivos lenovo motorola osterloh
Os executivos Yang Yuanqing, Chairman, CEO e Liu Jun, então vice-presidente do grupo de mobilidade da Lenovo, ao lado de Rick Osterloh, antigo presidente e COO da Motorola Mobility, na época do anúncio da aquisição (Foto: Divulgação).

A fabricante chinesa de equipamentos eletrônicos (computadores, servidores celulares) Lenovo anunciou hoje, 18, mudanças profundas em sua estrutura executiva. A que mais chama a atenção é a saída de Rick Osterloh do comando da Motorola Mobility, empresa adquirida em 2014. O executivo deixa a empresa apenas dois meses após a decisão do grupo de abandonar a marca Motorola, adotando apenas o termo Moto para designar parte de seus smartphones.

A Lenovo foi econômica nos detalhes ao divulgar a saída de Osterloh. Diz apenas que ele decidiu sair e que agradece “sua liderança durante o processo de aquisição” da Motorola Mobility. A equipe que respondia ao executivo norte-americano passa a se reportar a Aymar de Lencquesaing, que era diretor da Motorola Mobility na América do Norte. Lencquesaing se torna chairman e presidente da Motorola Mobility.

Demais áreas
O grupo de PCs da companhia chinesa passará a ser chamado de Grupo de Negócios de PC e Dispositivos Inteligentes. Vai produzir não mais apenas computadores, mas também destacáveis (ou 2 em 1), tablets, phablets, dispositivos para casas conectadas e jogos eletrônicos. Os produtos continuarão a usa os sistemas Windows, Chrome e Android. O presidente do grupo será Gianfranco Lanci.

O grupo de Negócios Corporativos da companhia passa a se chamar Grupo de Centro de Dados. Será comandado por Gerry Smith e terá como CTO o também CTO do grupo Lenovo como um todo, Peter Hortensius. A unidade entes responsável por nuvem e ecossistemas passa a se chamar Lenovo Capital e Incubadora, sem mudança de liderança.

O chairman e CEO da Lenovo permanece o mesmo, Yang Yuanqing. Segundo ele, as mudanças são a resposta da empresa a um mercado em transformação. “Precisamos acelerar nossa transformação para uma companhia mais centrada no consumidor”, disse.

Anterior Correção: Anatel analisa compra da empresa de SCM Blue Telecom
Próximos Vem aí consulta para o fim do regulamento do cartão indutivo do orelhão