Cemig Telecom faz acordo de swap com a Sumicity


shutterstock_asharkyu_banda_larga_infraestrutura_cabo_fioA CEMIGTelecom e a Sumicity, provedor regional com sede no interior do Rio de Janeiro,  realizaram acordo de troca de fibras (swap) que vai aumentar o potencial comercial e operacional das companhias. O contrato de compartilhamento de infraestrutura irá agregar 1.100 km de rede para as duas empresas, na região que vai de Viçosa, na Zona da Mata mineira, a Niterói, no Rio de Janeiro.

Com essa parceria, a CEMIGTelecom vai ampliar sua rede na região da Zona da Mata. Além de garantir da redundância na rota de Belo Horizonte a Viçosa, vai poder atender com fibra cidades que só atendia com rádio como Muriaé e Leopoldina e outras que nem atendia, caso de Cataguases. Isso porque a concessão de energia da Cemig só vai até Viçosa. A partir daí, a concessão é da Energisa. “É um acordo muito importante para reforçar a atuação da operadora na Zona da Mata”, diz Fábio Abreu, diretor Comercial e de Operações da Cemig Telecom.

Já para a Sumicity, que atua nos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais, o swap amplia sua capilaridade comercial em 32 cidades de Minas Gerais. “Essa iniciativa está completamente alinhada com a nossa visão de oferecer um serviço de referência ao stado de Minas Gerais até 2020. O acordo, além de fornecer a possibilidade de atuação em novas cidades mineiras, proporciona uma rota alternativa de longa distância interligando as principais capitais do Sudeste: Rio de Janeiro, Belo Horizonte e São Paulo. As perspectivas são excelentes no âmbito comercial por elevar a qualidade e capilaridade de rede para o Sudeste brasileiro”, destaca Vicente Sérgio da Silva Gomes, diretor presidente da Sumicity. (Com Assessoria de Imprensa)

Anterior Compras via celular dobram na black friday deste ano
Próximos TCU manda Planejamento atualizar dados abertos de contratações públicas