CCJ da Câmara elege Eliseu Padilha como presidente


O deputado Eliseu Padilha (PMDB-RS) foi eleito hoje para a presidência da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) por onde tramitam todas as proposições em análise na Casa. Na pauta da comissão está o PL 29/07, que unifica as regras da TV por assinatura e permite a entrada das teles no setor. …

O deputado Eliseu Padilha (PMDB-RS) foi eleito hoje para a presidência da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) por onde tramitam todas as proposições em análise na Casa. Na pauta da comissão está o PL 29/07, que unifica as regras da TV por assinatura e permite a entrada das teles no setor.

Padilha marcou para a próxima terça-feira (9), às 14h30, uma reunião do colegiado, a fim de receber sugestões dos deputados para a agenda de votações deste ano. O deputado disse que, por causa das eleições de outubro, a CCJ deverá ter um ritmo de trabalho intenso até julho.

O parlamentar está em seu terceiro mandato como deputado federal. Já foi ministro dos Transportes, secretário dos Negócios do Trabalho, Cidadania e Assistência Social do Rio Grande do Sul e prefeito de Tramandaí (RS). Padilha é advogado e empresário.

Para a terceira vice-presidência foi eleito o deputado Efraim Filho (DEM–PB). Não houve votação para a 1ª e a 2ª vice-presidências.

Consumidor

Já a Comissão de Defesa do Consumidor elegeu hoje o deputado Claudio Cajado (DEM-BA) para presidente. Ele substitui a deputada Ana Arraes (PSB-PE) no cargo.
Cajado disse que se reunirá na próxima quarta-feira (10) com os outros integrantes da comissão para decidir as prioridades de votação. “Não quero impor uma pauta. Vamos trabalhar com uma pauta que seja discutida por todo o colegiado”, afirmou.

A CDC elegeu o deputado Walter Ihoshi (DEM-SP) para 1º vice-presidente; e o deputado Vital do Rêgo Filho (PMDB-PB) para 2º vice-presidente. Ainda não foi definido o 3º vice-presidente. (Da redação)

Anterior Smartphones da Nokia podem fazer ligações pelo Skype
Próximos Portugal Telecom obteve lucro de € 684 milhões em 2009