Cautela com as fusões, alerta a nova diretora da Comunidade Europeia


A nova chefe da diretoria antitrust da Comunidade Europeia, Margrethe Mestager, em entrevista ao jornal  Financial Times, fez algumas restrições aos movimentos de concentração de operadoras de telecomunicações que começa a ocorrer na Europa. Para a executiva, sua principal função é assegurar que os consumidores terão acesso a serviços inovadores a preços acessíveis.

Na região, já houve processos de M&A (fusão) na Austrial, Irlanda e Alemanha. Ainda estão para ser aprovados a intenção de compra da O2, da Telefónica pela asiática Hutchison Whampoa, e Telenor e Telia Sonera conversam na Dinamarca.

Para a executiva, não há confirmação de que as fusões garantem aumento de investimentos nas redes de telecom. “Tenho observado exemplos contrários a esses”, argumentou. Para ela, até agora, a competição é que estimula os investimentos e não o contrário. ( com assessoria de imprensa). 

 

Anterior PT SGPS retira ADRs da bolsa de NY
Próximos Apple Watch chega em abril ao mercado, mas não no Brasil