Notícias da categroia

Leilão

Os processos de venda de faixas de frequências para prestação de serviços de telecomunicações no Brasil


Empresas terão 10 dias para assinarem digitalmente o termo de autorização

Proposta apresentada pela subsidiária Primesys está em análise e deve ser aprovada nesta sexta-feira

Pregão seria realizado nesta quinta-feira (18) e previa a contratação do serviço para 11 órgãos no valor estimado em R$ 71,4 milhões. Não há previsão de que a compra será retomada

A operadora compra também faixas em 3,7 GHz e em 26 GHz (faixa milimétrica) e vai desembolsar este ano 480 milhões de euros

Foto: Felipe Canova Gonçalves

A Anatel quer se certificar de que não haverá interferência na transmissão de TV aberta via satélite da banda C. Por isso, vai realizar muitos testes antes de fazer a licitação, diz o conselheiro Leonardo de Morais.

Justificativa da empresa controladora é de dar mais tempo para acesso a informações no data room e para melhor elaboração de propostas. O preço mínimo para o lote 1 foi estabelecido em R$ 335 milhões.

Ao todo, as duas prestadoras vão receber R$ 68,2 milhões, mas contratos podem ser prorrogados por até cinco anos

Leonardo Euler de Morais | Encontros Tele.Síntese 51 - 21/11/17 – Brasília-DF | Foto: Gabriel Jabur

Conselheiro Leonardo de Morais diz que pretende levar a consulta pública, até junho, texto sobre uso dos 3,5 GHz e dos 2,3 GHz. E que regras para a venda das sobras de 700 MHz devem ser pensadas para evitar que o mercado caminhe para a formação de um duopólio.