Notícias da categroia

Internacional

Tudo que acontece fora do Brasil, mas que reflete no mercado brasileiro de telecom


Para ter a fusão aprovada pelas agências federais dos Estados Unidos, as duas empresas propõem se desfazer da operação móvel pré-paga, mas diferentes estados estão contestando a operação.

A empresa adotou essa medida para reduzir a complexidade tanto dos relatórios financeiros, como dos custos administrativos.

O processo alega que a fusão custaria aos assinantes das operadoras mais de US$ 4,5 bilhões a cada ano em reajustes de tarifas e permitiria que concorrentes como Verizon e AT&T também aumentassem o preço de seus serviços

Designed by Freepik

Operadora receberá cerca de € 160 milhões, que vai usar para reduzir a dívida líquida

Apps da rede social continuam funcionando normalmente nos aparelhos que já saíram com eles instalados de fábrica

Chamadas feitas por robôs poderão ser bloqueadas sem consentimento prévio dos destinatários

As três operadoras de telecomunicações e a operadora de TV a cabo foram autorizadas pelo governo a entrar na era da 5G

A AT&T foi a operadora que pagou mais caro pelas 831 licenças de frequência em 24 GHz, gastando US$ 983 milhões. No total, a FCC arrecadou US$ 2 bilhões.

Sprint e T-Mobile, para terem sua união aprovada nos EUA, estão oferecendo a venda da operadora de pré-pago, Boost Mobile, que interessou a gingante de vendas.