Notícias da categroia

plantão 2010


Concessionárias se comprometeram a retirar as ações contra PNBL e Telebrás até amanhã

 A operadora paga ágio de 100% por faixa de segunda geração em São Paulo

O preço mínimo total era de R$ 1,1 bilhão e a frequência foi vendida por R$ 1,246 bilhão.

Os dados da sexta edição do Monitor Action mostram crescimento anual na participação dos serviços de VAS nas receitas de serviços.

 Os técnicos do governo e das empresas não conseguiram fechar acordo sobre os números

Recursos cobrirão pagamento das licenças de 3G, construção da rede e ampliação do serviço de trunking

Depois de pouco mais de três horas, e algumas poucas dispustas de preço, a Nextel reafirmou a sua disposição de ser a quinta operadora de telefonia celular no Brasil. Atualmente, a empresa tem a licença de trunking (rádio despacho), que tem características diferentes à do celular, entre outras, a de só ter linhas vendidas para grupos fechados de assinantes. Com esta licitação, a Nextel passa a ter as mesmas obrigações a das demais operadoras aqui instaladas, sendo obrigada a estar presente em um grande número de pequenos municípios brasileiros. Atualmente, com o trunking, ela só atua nas grandes cidades brasileiras.

A tecnologia da NEC traz um novo conceito de publicidade e permite o envio de mensagens, de acordo com o perfil do consumidor.

Os lotes 9, 10, 11, 12 e 13 foram arrematados pela Nextel. O lote 10 teve ágio de 205%.

A CTBC  ofereceu ágio de 32,4% para ampliar sua área de atuação. Mas não alcançou a capital.