Notícias da categroia

Artigos do leitor

Opinião dos nossos leitores, em artigos exclusivos para o TeleSíntese

{mosimage}O AICE é apresentado à população como um serviço alternativo para aqueles que não podem ou conseguem sustentar um telefone fixo convencional, mas trará flagrantes prejuízos aos consumidores que pagarão mais caro pelo novo plano.

Foto: Divulgação

{mosimage}
No Brasil, com raras e honrosas exceções, quando se trata de P&D, a indústria tem visão imediatista. Com isso, perdem o país e as empresas deixam de ganhar competitividade.

{mosimage}A facilidade de instalação e a flexibilidade da tecnologia Wi-Fi permitem que a capacidade de tráfego de informação seja rapidamente aumentada em função de nova demanda. Tudo isso de forma radicalmente mais simples que em uma rede equivalente

{mosimage}O WiMAX permite diversos serviços que somente uma combinação de diversas outras tecnologias permitiriam. Não há limites para novas aplicações com uma tecnologia flexível, eficaz quanto a custo, baseada em padrão aberto e totalmente interoperável.

{mosimage}
O governo precisa assegurar que todos os prédios públicos e todas as prefeituras estejam conectados. Por Rogério Santanna

Foto: divulgação

{mosimage}
A quase totalidade do aumento da base de usuários celulares, nos próximos anos, deve vir de mercados emergentes. Um desafio para a indústria e as operadoras, que precisam equilibrar receita e custos. Yolande Pineda, diretora da Nokia, aponta alternativas.

{mosimage}O nome adequado para o equipamento é “congestionador”, jammer em inglês, porque o que faz é congestionar localmente a faixa utilizada pelos celulares, ou outros equipamentos de comunicação sem fio. E custam entre R$ 400,00 e R$ 10 mil.

{mosimage}A medida é absurda e inútil. Embora pareça óbvio para as pessoas de bom-senso, o grande vilão é a situação do sistema penitenciário e a falta de prioridade das questões de segurança pública no Brasil. Falta quase tudo nos presídios.

Foto: divulgação


{mosimage}

A falsa premissa de que os fins justificam os meios vem atravancando o desenvolvimento de nosso país. A sociedade não pode aceitar a contínua geração de postos de trabalho informal, é preciso criar trabalhos aliados ao progresso social, dentro da lei. Por Jair Jaloreto Junior.

{mosimage} O Ministério das Comunicações está dizendo que não vai mais outorgar canais de rádios e TV educativas para fundações que não sejam ligadas a universidades, para evitar a participação de políticos. Entretanto, ao contrário do discurso oficial, está liberando várias concessões para fundações personalistas ligadas a políticos.