Cade aprova ingresso da Finep no capital da HT Micron


O Cade aprovou hoje, 18,  um investimento por parte do FIP INOVA, na empresa HCHT, e indiretamente na HT Micron, que resulta em aumento no capital desta. A Operação poderá resultar numa participação indireta de até 21,13% do FIP INOVA (por meio de suas participações diretas na Parit e na HCHT) no capital social ou votante da HT Micron.

O FIP INOVA é um fundo de investimento em participações cujo único cotista é a FINEP – Financiadora de Estudos e Projetos, empresa pública ligada ao Ministério da Ciência e Tecnologia. A FINEP é cotista em diversos fundos de investimentos, geridos por diferentes entidades.

A HT Micron pertence ao Grupo Parit e atua na pesquisa, design, desenvolvimento, compra, industrialização, venda, importação, exportação e distribuição de produtos eletrônicos, especialmente semicondutores, e as respectivas partes e componentes dos referidos produtos.

O Investimento Inicial, feito pelo FIP INOVA, na qualidade de investidor, resultou: diretamente, em participação equivalente a 19,90% do capital total e votante da PARIT; diretamente, em participação equivalente a 19,14% do capital total e votante da HCHT;  indiretamente, em participação equivalente a 17,60% do capital total e votante da HT Micron; e indiretamente, em participação equivalente a 10,12% do capital total e votante da ALTUS SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO S.A.

Para o Cade, a operação não acarretará reforço de sobreposição horizontal ou integração vertical entre as atividades das Requerentes no Brasil,

Anterior Anatel fiscaliza cumprimento do ressarcimento automático pelas operadoras de TV paga
Próximos Berzoini não descarta reajuste do Fistel