BrT: suspensão do acordo guarda-chuva é prorrogada até 2 de junho


A liminar que suspende o acordo guarda-chuva no caso Opportunity/fundos de pensão quanto ao controle da Brasil Telecom foi prorrogada hoje, 18, pelo juiz Lewis Kaplan, de Nova York.  Desta forma, uma nova audiência foi marcada pela justiça norte-americana para a próximo dia 2 de junho, quando se espera novo prosseguimento para o caso. Até …

A liminar que suspende o acordo guarda-chuva no caso Opportunity/fundos de pensão quanto ao controle da Brasil Telecom foi prorrogada hoje, 18, pelo juiz Lewis Kaplan, de Nova York.  Desta forma, uma nova audiência foi marcada pela justiça norte-americana para a próximo dia 2 de junho, quando se espera novo prosseguimento para o caso. Até esta data fica mantida a decisão de afastamento do grupo de Daniel Dantas no controle da BrT em favor dos fundos e do Citigroup.  O Opportunity tem descisão favorável da Justiça do Rio de Janeiro (do mês passado) na questão, mas esta não pode se sobrepor à liminar do juiz de Nova York.  (Da Redação)

Anterior Anatel e operadoras definem ação conjunta para cumprir decisão judicial
Próximos TIM: promoção de voz e dados para PME