Brookfield divulga participação acionária na Oi


A Brookfield Asset Management adquiriu 5,65% do total de ações ordinárias de emissão da Oi, que corresponde, atualmente, a 123,3 milhões de ações ordinárias na forma de 24,6 milhões da American Depositary Shares. “Em adição, os fundos de investimento geridos pela Brookfield possuem 7,5 milhões de bônus de subscrição adquiridos na forma de 1,5 milhão de American Depositary Warrants (“Bônus de Subscrição”) que, se exercidos, corresponderão ao total de 7,5 milhões de ações ordinárias na forma de 1,5 milhão de American Depositary Shares”, comunica a Oi, em fato relevante.

Segundo correspondência da gestora de fundos alternativos, trata-se de um investimento minoritário que não altera, ou tem a intenção de alterar, a composição do controle ou especificamente a estrutura administrativa da companhia além do que estabelecem as regras aprovadas no plano de recuperação judicial e dos atuais direitos de voto das ações detidas. “Atualmente não existe qualquer percentual de participação que a Brookfield pretende comprar em nome dos fundos de investimento que gere, apesar de poder realizar aquisições adicionais”, diz o fundo de investimentos canadense.

– Com exceção dos ADRs e Bônus de Subscrição, não há outros valores mobiliários, incluindo debêntures conversíveis em ações, detidas, direta ou indiretamente, pela Brookfield ou pessoa ligada à ela, nem qualquer acordo ou contrato regulando o exercício do direito de voto ou a compra e venda de valores mobiliários de emissão da companhia em que Brookfield ou pessoa a ela ligada seja parte”, disse a gestora de fundos, em carta enviada à Oi.

Anterior “Não tenho medo de um desastre”, diz Navarro
Próximos Moisés Moreira, secretário de Radiodifusão, indicado para presidir a Anatel