TeleSintese-Numeros-Faixas-ondas-abstrata-Fotolia_142086011

O brasileiro mudou de operadora, mantendo inalterado o número do telefone fixo ou celular, 1,61 milhão de vezes em julho, agosto e setembro. Desse total, 387,86 mil (24%) das migrações foram feitas por usuários de terminais fixos e 1,22 milhão (76%) demandadas por titulares de telefones móveis.

O dado mostra um aumento na quantidade de portabilidades feitas. No mesmo período do ano passado, foram realizadas 1,23 milhão de mudanças de operadora, mantendo-se o número. Os dados indicam que o Brasil vai superar a quantidade de portabilidades realizadas em todo o ano de 2016 já neste mês de outubro.

Desde que o sistema de portabilidade numérica foi implementado, em setembro de 2008, foram feitas 39,2 milhões de migrações entre operadoras. No último relatório trimestral da ABRTelecom (Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações), entidade administradora do serviço, consta que desde setembro de 2008 até o dia 30 de setembro de 2017, foram efetivadas 13,75 milhões (35%) de migrações por usuários de telefones fixos e 25,43 milhões (65%) a partir de iniciativa de titulares de números de terminais móveis. (Com assessoria de imprensa)