Brasil concentra 28,5% das assinaturas de TV na América Latina


O Brasil concentra 28,5% das assinaturas de TV na América Latina. Mas é a Venezuela que tem a maior penetração da TV paga na região. Os dados são de pesquisa da Dataxis e foram divulgados hoje, 06. O levantamento mostra que existem, na região, 69 milhões de assinantes. Em média, a penetração é de 37,7%.

No ano, o segmento apresenta crescimento de 5%. O número não reflete, porém, o mercado nacional, em que há encolhimento. A pesquisa indica, ainda, avanço da TV por assinatura nos demais países, o que fez com que a importância do Brasil como maior mercado tenha caído pela metade em um ano.

A tecnologia por satélite predomina em 50,1% dos acessos. Mas a procura por esta tecnologia vem desacelerando. No ano, 80,3% das novas assinaturas foram de serviços que usam outras tecnologias. Já a proporção de assinantes com canais HD, de alta definição, é de 32,9%.

O grupo líder na região é a América Móvil, que tem 21,1% dos assinantes. A empresa controla a NET Serviços, maior operadora de TV paga no Brasil, em número de usuários. Em seguida vem DirecTV, dona da Sky, Televisa, Telefónica e Clarín.

A Dataxis afirma, ainda, que há na América Latina 8,8 milhões de assinantes de serviços OTT. O líder, no caso, é o Netflix, responsável por 57,5% dessas assinaturas.

Anterior Ministro admite adiamento do cronograma de TV digital
Próximos STJ fará audiência para discutir bloqueio de internet no celular