Brasil ainda tem três milhões de acessos à internet por linha discada, afirma Anatel.


Enquanto o usuário cobra melhor banda larga – seja fixa ou móvel – ainda há um grande número de  brasileiros que acessam a internet por banda super-estreita, ou pela linha discada, que oferece apenas 64 Kbps de velocidade.

Conforme o conselheiro da Anatel, Marcelo Bechara, em audiência pública no Senado Federal, há ainda no Brasil 7% dos acesso à internet feitos por linha discada, enquanto 67% dos acessos de telefonia fixa já oferecem a conexão em banda larga.

 

Se se considerar que há 42 milhões de telefones fixos em serviço  no país, isso significa que quase 3 milhões de usuários ainda navegam a internet por banda estreitíssima, cuja velocidade que serve a penas para a transmissão de voz.

Governança

O conselheiro defendeu tanbém, durante a audiência, mudanças na atual composição do Comitê Gestor da internet, que tem hoje 13 integrantes. Para ele, deve haver maior representação da sociedade civil (que hoje já é maioria no comitê) e de novos integrangtes do governo, como Ministério da justiça e o gabinete de Segurança Institucional.

Anterior Minicom trabalha para reduzir número de cidades com apagão analógico de TV em 2015
Próximos Anatel afirma que não há indícios de participação de tele em espionagem