Consórcio pode comprar BlackBerry por US$ 4,7 bilhões


A BlackBerry informou nesta segunda-feira (23) ter fechado acordo preliminar para ser adquirida pelo consórcio liderado por seu maior acionista, a Fairfax Financial Holdings, por US$ 4,7 bilhões. O acerto vence dia 4 de novembro e durante este tempo, a fabricante canadense de smartphones está autorizada a entrar em conversações com outros potenciais compradores.

A empresa assinou uma carta de intenções prevendo pagar aos acionistas US$ 9 por ação em dinheiro, um negócio que valoriza a fabricante de smartphones, de acordo com um comunicado de imprensa. A Fairfax já detém 10% da BlackBerry.

Na sexta-feira, BlackBerry anunciou que iria demitir cerca de 40% de seus empregados, em torno de 4.500 pessoas, e relatou uma previsão de perda trimestral US$ 1 bilhão.

“Acreditamos que esta transação irá abrir um novo e excitante capítulo para BlackBerry, seus clientes, transportadores e funcionários”, disse Prem Watsa, presidente-executivo da Fairfax, em comunicado. “Podemos agregar valor imediato para os acionistas, enquanto continuamos a execução de uma estratégia de longo prazo em uma empresa privada, com foco no fornecimento de soluções empresariais superiores e seguro para os clientes do BlackBerry em todo o mundo.” (Da redação, com agências internacionais)

Anterior Apple comercializa 9 milhões de iPhones em três dias
Próximos TIM Brasil à venda?