Berzoini quer tirar os fantasmas do ambiente da radiodifusão


A liberdade de expressão é cláusula pétrea, afirma o ministro. E acha que o parlamento pode tirar as “sombras” da atividade política, entre elas, a propriedade de emissoras de rádio e TV.

O ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, voltou a afirmar que hoje pretende abrir um amplo debate sobre o Marco Regulatório da Radiodifusão. Assegura que este debate não vai ferir a cláusula pétrea da Constituição Federal, que é a liberdade de expressão. Mas entende que poderão ser retirados alguns fantasmas do ambiente.

Entre esses fantasmas,entende, acha que pode ser aberto o debate sobre a propriedade das emissoras de radiodifusão por políticos, assim como  o financiamento das campanhas eleitorais. “Estas são duas sombras que poluem a atividade política e que podem ser debatidas,  para o bem da própria atividade política. Se não enfrentarmos de maneira objetiva, teremos retrocesso que serão inevitáveis”, alertou.

“Mas só acredito que conseguiremos lidar com esses temas se construímos os entendimentos”, concluiu.

Anterior Berzoini admite banda larga pública, mas não quer regulação inibindo investimentos.
Próximos Moto G de primeira e segunda geração recebem novo Android