Bernardo cobra plano de emergência para restabelecimento das comunicações no Rio


O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, espera receber hoje a tarde dos presidentes das operadoras de telefonia celular e fixa planos de emergência para o restabelecimento das comunicações nas cidades serranas do Rio de Janeiro afetadas pelas enchentes e deslizamentos. “É até justificável que, no momento da tragédia, as comunicações também fossem afetadas. Mas agora não há mais justificativas para aquela população continuar sem telefone”, reclamou o ministro. 

Segundo ele, o governo espera que as empresas apresentem propostas de atuação conjunta – reativação das redes de celular derrubadas, ampliação da capacidade das redes de dados, e mesmo distribuição de celular para as residências que estão sem telefonia fixa – para que os problemas sejam resolvidos o mais rapidamente possível. “Procuramos ontem os presidentes de todas as operadoras que deverão entregar a sua proposta ao governo hoje à tarde”, concluiu.

Anterior Recondução de Bedran à Anatel volta a ser cogitada
Próximos Bernardo defende formalização do uso de fibras das estatais pela Telebrás