BB vence licitação para operar a marca Banco Postal


O Banco do Brasil foi o vencedor da licitação realizada pelos Correios nesta terça-feira (31), em Brasília, para a escolha do parceiro do Banco Postal, marca dos Correios que designa sua atuação como correspondente na prestação de serviços bancários básicos em todo o território nacional. Foram 12 rodadas de lance. Além do BB, a licitação foi disputada pelo Bradesco, Caixa Econômica Federal e Itaú.

A proposta do Banco do Brasil foi de R$ 2,3 bilhões, referente ao valor básico de acesso ao negócio. O pagamento deverá ser feito à ECT até 10 dias após a assinatura do contrato, que tem duração de cinco anos e meio, prorrogável por mais cinco anos. Além desse valor, o banco pagará, até 2 de janeiro de 2012, mais R$ 500 milhões pela utilização das agências da ECT. Também está previsto o repasse mensal do valor referente à participação da ECT nas transações efetuadas pelo Banco Postal, que é estimado em R$ 350 milhões por ano.
 
O Banco do Brasil deve iniciar a prestação do serviço em 2 de janeiro de 2012 — o contrato com o atual parceiro, o Bradesco, vai até o final de 2011.  O Banco Postal possui hoje mais de 6 mil agências, que cobrem 95% dos municípios do Brasil. Desde a sua criação, em 2002, mais de 10 milhões de contas já foram abertas. Cerca de 93% dos correntistas têm renda de até três salários mínimos. (Da redação, com informações dos Correios).

Anterior Telebrás vai conectar até julho primeiras cidades beneficiadas pelo PNBL
Próximos Só BNDES pode informar patrimônio das operadoras na época da privatização, diz Anatel.