Base da telefonia fixa diminui outra vez em fevereiro


telefones fixosA Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou hoje, 06, o saldo de linhas fixas no país ao final de fevereiro. Houve nova retração da base, que passou a ter 43,37 milhões de usuários – perda de 52,64 mil. Em relação a janeiro, as concessionárias perderam 94,83 mil linhas, -0,37%. Já as autorizadas cresceram 0,23%, ganhando 42,18 mil. Comparado com fevereiro de 2015, o encolhimento foi de 3,72%, ou seja, perda de 1,67 milhão de acessos.

As autorizadas permaneceram praticamente estáveis, ganhando 28,9 mil acessos, ou 0,16% em um ano. A empresa que mais perdeu clientes foi a Telecom Americas (Claro, Embratel, Net). Foram 18,9 mil desligamentos em relação a janeiro e 277,3 mil em relação a fevereiro de 2015 (-2,36% de sua base). As demais autorizadas cresceram. A Telefônica, que apresentou maior crescimento em número de clientes, aumentou a base em 3,39% em um ano, ganhando 175,9 mil novos usuários.

As concessionárias, no entanto, perderam 6,32% de sua base, ou 1,7 milhão dos pontos em serviço em um ano. A Oi foi a que mais desligou entre janeiro e fevereiro e também em um ano. Em relação a janeiro, fevereiro encerrou com 63,28 mil clientes a menos (-0,42%). No ano, a Oi perdeu 1,24 milhão de linhas fixas, retração de 7,72%. A Telefônica também desligou. Foram 36,41 desativações sobre janeiro (-0,39%) e 474,36 mil em relação há um ano (-4,74%).

Anterior Vem aí consulta pública para mudanças na LGT
Próximos Embratel aposta na "Telepresence as a Service"