Barros de Castro é o novo assessor-sênior do BNDES


O professor Antonio Barros de Castro foi convidado pelo presidente do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social) Luciano Coutinho para assumir o cargo de assessor-sênior do BNDES para formulação de estratégias para o Banco e para o governo brasileiro. Nessa função, o professor prestará especial assessoria ao ministro da Fazenda, Guido Mantega. Barros …

O professor Antonio Barros de Castro foi convidado pelo presidente do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social) Luciano Coutinho para assumir o cargo de assessor-sênior do BNDES para formulação de estratégias para o Banco e para o governo brasileiro. Nessa função, o professor prestará especial assessoria ao ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Barros de Castro irá se desvencilhar das funções de diretor da área de Planejamento para dedicar-se  integralmente à formulação de estratégias para o desenvolvimento econômico do país. No cargo de assessor-sênior, ele desempenhará ainda funções institucionais, representando o Banco e  seu presidente, e participará de reuniões da Diretoria em que estejam em pauta questões estratégicas. O professor também produzirá estudos de interesse nacional tais como: o desenvolvimento da economia mundial sob o impacto do dinamismo da economia chinesa; o potencial de crescimento do PIB brasileiro (PIB potencial) e as perspectivas de desenvolvimento no Brasil dos biocombustíveis, especialmente do etanol.

O novo diretor da área de Planejamento será o professor Instituto de Economia da UFRJ, Dr. João Carlos Ferraz. Ele foi diretor da Divisão de Desenvolvimento Produtivo e Empresarial da Comissão Econômica para América Latina e Caribe (Cepal). Suas áreas de especialização incluem mudanças tecnológicas, economia industrial, organização industrial e políticas públicas. É formado em economia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais e possui doutorado pela  Universidade de Sussex (Reino Unido). (Fonte: assessoria de imprensa, BNDES)

Anterior TIM inicia promoção MegaTIM WAP
Próximos Inflação do ano da telefonia é de 2,91%