Banda-larga_internet-intenacional-comunicacao-dados

O serviço de internet fixa totalizava 27,6 milhões de assinantes em junho de 2017. Significa que no mês houve adição de 201.035 (+0,73%) usuário em relação a maio. Nos últimos doze meses, a banda larga fixa apresentou aumento de 1.502.619 de usuários (+5,74%).

Mais uma vez, os provedores regionais capturaram a maior parte das adições no mês. Eles somaram 122,8 mil novos clientes, um crescimento de 3,61%. Em um ano, os provedores locais cresceram 36,28%, adicionando 939 mil assinantes.

Já a Vivo obteve 23 mil novos assinantes (+0,31%) em junho, comparado a maio. Seguida pela Claro, com 15.270 novos usuários (+0,18%), TIM, com 11.529 novos clientes (+3,24%), e Oi, com 9,3 mil (+0,14%).

Em relação a junho de 2016, a Vivo apresentou aumento de 149.742 (+2,02%) na sua base de assinantes. A operadora Claro registrou 313.623 novos clientes (+3,78 %) e a TIM mais 63.008 usuários (+20,73%). A Oi, 36,6 mil (0,57%).

Participação de mercado

Empresa 2016-06 2017-06 Share Junho 2016 (%) Share junho 2017 (%)
ALGAR (CTBC TELECOM) 474.852 522.534 1,81 1,89
BT 32.622 23.560 0,12 0,09
CABO 91.968 105.639 0,35 0,38
OI 6.388.653 6.425.322 24,40 23,21
Outras 2.588.994 3.528.339 9,89 12,75
PREFEITURA DE LONDRINA/COPEL 163.322 170.806 0,62 0,62
SKY/AT&T 305.474 358.278 1,17 1,29
TELECOM AMERICAS 8.287.265 8.600.888 31,65 31,07
TELECOM ITALIA 303.962 366.970 1,16 1,33
TELEFÔNICA 7.430.714 7.580.456 28,38 27,38
Total Geral 26.180.176 27.682.795 100,00 100

 

Os dados da Anatel indicam que os provedores regionais (Outros, na tabela) têm conseguido abocanhar mercado das grandes operadoras. Enquanto a fatia deles cresceu de 9,89% do mercado para 12,75% em um ano, as grandes perderam. A Vivo (Telefônica) perdeu 1 p.p. em 12 meses. A NET (Telecom Americas) retraiu um pouco menos, 0,59 p.p. Já a Oi viu seu share reduzir 1,19 p.p.

Tecnologias

O que seu viu no último mês foi um forte aumento dos acessos por rádio e por fibra. Os links de rádio somaram 107,15 mil novos clientes. Os de fibra, 76,4 mil.

O fenômeno do crescimento do rádio é recente e restrito a junho, por enquanto. Em 12 meses, a fibra reinou absoluta, com 832,2 mil adições. O rádio, em segundo, teve 346 mil novos acessos. Seguido do cabo, com 190 mil novas assinaturas.

Velocidade

Em termos de velocidades, a ultrabanda larga vem crescendo sem cerimônia. Foram 145,9 mil novos acessos acima de 34 Mbps em junho, frente a maio. E 1,69 milhão em 12 meses. Velocidades entre 12 Mbps e 34 Mbps adicionaram 127 mil novos clientes em um mês, e 832 mil em um ano.

Os dados indicam ainda a chegada de internet a novos pontos do país. A banda larga de até 512 Kbps, que vinha decrescendo, voltou a ganhar assinantes no mês, com 35,3 mil adições. Em 12 meses, porém, segue em declínio, com mais de 150 mil desligamentos.

Vale lembrar que os números de adições por velocidades contabilizam não apenas novos assinantes, como migrações de clientes para planos superiores. Por isso estes dados trazem volumes mais altos que os demais.