Banda larga fixa cresce 0,36% em maio


Close up on fiber optics – Shallow depth of field

A banda larga fixa registrou aumento de 112,73 mil domicílios atendidos (+0,36%) em maio de 2019, em  comparação com o mês anterior. Na variação mensal, a TIM e a Claro, com mais 7,88 mil (+1,54%) e mais 30,91 mil (+0,33%), respectivamente, foram as únicas a apresentarem crescimento no número de domicílios atendidos. Enquanto a Vivo teve redução de 40,25 mil (-0,54%), a Oi contou com menos 34,46 mil (-0,59%) e a Sky menos 17,68 mil (-5,63%). Os ISPs apresentaram um aumento de 166,33 mil domicílios (+2,05%).

De acordo com a Anatel, a banda larga se fez presente no total de 31,83 milhões de residências no mês de maio de 2019. Entre os três maiores grupos de telecomunicações atuantes na banda larga fixa, a Claro manteve a posição de liderança com 9,52 milhões de domicílios atendidos (29,9%), em seguida a Vivo com 7,43 milhões (23,33%) e Oi com 5,79 milhões (18,20%). As Prestadoras de Pequeno Porte (PPP) totalizaram 8,57 milhões de domicílios (26,94%). O crescimento nos últimos 12 meses foi de 1,66 milhão, mais de 5,49%.

Na comparação ano-a-ano, Claro e a TIM registraram crescimento no número de domicílios atendidos, de 366,51 mil (+4,01%) e de 82,51 mil (+18,89%), respectivamente. A Vivo apresentou redução de 152,07 mil (-2,01%), a Oi de menos 411,80 mil (-6,64%) e a SKY de menos 61,63 mil (-17,23%). As PPPs apresentaram crescimento total de 2,20 milhões de domicílios (+14,11%).

 

 

Anterior Relator dá parecer favorável a projeto que obriga celular a ter chip de FM
Próximos PL das agências reguladoras será sancionado hoje com vetos