Balanço CES 2012: “Convergência” é mote de feira de eletrônicos


“Estamos passando da era do computador pessoal para a era da computação pessoal”. A declaração é do presidente da Intel, Paul Otellini, feita durante o anúncio da entrada da maior fabricante de chips do mundo no mercado de smartphones, com o lançamento do Lenovo K800, no segundo dia da Consumer Eletronics Show, maior feira de eletrônicos do mundo, que se encerra nesta sexta-feira (13) em Las Vegas. E de fato, a convergência foi o mote da feira de eletrônicos, com os mesmos serviços e plataformas sendo lançados para todo tipo de aparelho, sejam smartphones, tablets, TVs, PCs ou a nova aposta do mercado de tecnologia, os ultrabooks. (Para mais detalhes sobre as novidades da feira para o setor de televisão, clique aqui.)

 

Estes são versões mais rápidas e leves dos notebooks em Windows tradicionais (também disponíveis em tamanhos de netbook) lançados por diversas fabricantes durante o evento para competir com o Macbook Air, da Apple, e são a grande aposta da Intel para este ano. No entanto, esta terá que dividir o mercado com a Qualcomm, que atualmente domina o segmento de smartphones com seus processadores, que se destacam por gastar menos bateria que os tradicionais da Intel para PCs.

 

A fabricante de chips também aproveitou o evento para anunciar sua entrada em um novo mercado. Segundo afirmou o presidente da Qualcomm, Paul Jacobs, ao jornal Financial Times, ultrabooks com processadores da companhia devem ser lançados até o final do ano. “A experiência que o usuário espera de seu próximo computador é de estar sempre conectado…algo que nós na indústria móvel sabemos fazer muito bem”, disse o executivo.

 

Essa tendência também vale para outros dispositivos, e a integração entre eles também passa a ser cada vez mais importante para o consumidor que busca compartilhar conteúdos e conectar seus dispositivos uns ao outros, independentemente de fabricante ou sistema operacional. Justamente por isso, os anúncios que mais se destacaram durante a CES foram lançamentos como a Android TV da Lenovo (outra empresa que fez sua estreia nos mercados de TVs e smartphones durante o evento), baseado no sistema operacional móvel do Google; a plataforma de televisão conectada do Ubuntu, sistema operacional para PCs baseado no Linux; e a versão para PCs do Kinect, videogame com sensor de movimento da Microsoft, entre outros. Esta última também apresentou a versão beta do Windows 8, o primeiro da companhia a ser projetado não só para PCs como também para smartphones, tablets e até TVs com tela sensível ao toque. (Da redação)

Anterior Serviços de telefonia estão entre os mais reclamados em 2011
Próximos Miriam Wimmer vai para conselho consultivo da Anatel