Avaya muda o foco, e mira setor financeiro e PMEs.


A Avaya está mudando a estratégia de negócios para se tornar cada vez mais uma empresa de software e serviços, e espera duplicar seu faturamento neste trimestre, em comparação com o trimestre anterior. A empresa busca um balaceamento maior entre os segmentos em que participa. Tradicionalmente ligada ao setor de telecomunicações, está investindo para crescer …

A Avaya está mudando a estratégia de negócios para se tornar cada vez mais uma empresa de software e serviços, e espera duplicar seu faturamento neste trimestre, em comparação com o trimestre anterior. A empresa busca um balaceamento maior entre os segmentos em que participa. Tradicionalmente ligada ao setor de telecomunicações, está investindo para crescer principalmente no segmento financeiro, e de pequenas e médias empresas (PMEs). “Apesar de telecom ainda ser o maior mercado da Avaya, respondendo por 36% do faturamento, o segmento financeiro já responde por 30%, e esse crescimento está relacionado com a explosão do crédito no Brasil”, afirma Cleber Morais, presidente da Avaya Brasil.

No entanto, ele ressalta que as receitas com telecom continuam crescendo, principalmente devido ao mercado de contact centers, “que continua apresentando forte expansão”. A meta da empresa é aumentar, no mínimo, 30% do faturamento este ano, após ter crescido 36% em 2007. “O Brasil é um dos três focos globais de investimento da Avaya, e a operação brasileira está entre as 10 maiores do grupo no mundo”, comemora Morais. Parte deste movimento se dá pela crise na economia norte-americana, que deverá afetar o desempenho da empresa nos EUA. “Vamos compensar um menor desempenho nos EUA com um bom crescimento nas outras regiões”, explicou o executivo.

As pequenas e médias empresas são um dos focos da empresa, por ser um dos segmentos que mais crescem na economia nacional. “Há uma quantidade muito grande de empresas , e, para atendê-las, é necessário capilaridade, além de uma oferta competitiva, pois este mercado é muito sensível à relação produto/preço”, avaliou Morais. Uma das principais apostas para PMEs é o PABX IP IPO 500, que reúne facilidades de contact center e URA (Unidade de Resposta Audível). O produto foi lançado no início deste ano, ao preço mínimo de R$ 5 mil, já conta com 50 clientes corporativos.

Lançamentos
A empresa apresentou hoje três novos de produtos para comunicações unificadas, que pretendem integrar as diversas plataformas de comunicação em um só sistema: o servidor New Intelligent Presence oferece suporte para protocolos de diferentes; o cliente Avaya One-X Communicator, que congrega voz, vídeo, mensages instantâneas e gerenciador de presença; e o Unified Communication Solution, para comunicação remota de dispositivos móveis.

Anterior BrT distribui R$ 1,47 bi em dividendos
Próximos Indústria eletroeletrônica projeta crescer 12% este ano