Miriam Aquino

Sobre o autor Miriam Aquino

Jornalista há mais de 25 anos, é diretora da Momento Editorial e responsável pela sucursal de Brasília. Especializou-se nas áreas de telecomunicações e de Tecnologia da Informação, e tem ampla experiência no acompanhamento de políticas públicas e dos assuntos regulatórios.

logo_anatel
Destaque

Bechara antecipa saída e Anatel ficará com três conselheiros a partir de agosto

O conselheiro da Anatel, Marcelo Bechara, que estaria no cargo até novembro deste ano, sempre se posicionou contra sua recondução e decidiu antecipar a saída para agosto, o que deixará a Anatel com duas vagas em aberto, se a presidente Dilma Rousseff não indicar novos nomes. O quórum de três conselheiros é o limite para as deliberação, mas se houver qualquer divergência entre eles, não haverá decisão.

Leia mais 0 Comentários
shutterstock_Sergey Nivens_device_telefonia_movel_tendencia_anatel_celular
Telefonia móvel

Operadoras de celular firmam compromisso com governo para explicar internet móvel

Algar, Claro, Oi, TIM, Vivo e Sercomtel assinaram hoje,23, com os ministérios das Comunicações e da Justiça um compromisso público para melhor explicar o consumo de dados no celular. As empresas, em 30 dias, irão criar um código de conduta para a comunicação da oferta de internet além de oferecer aos seus clientes apps para permitir o acompanhamento individualizado do consumo de dados. Irão ainda, no prazo de 60 dias, fazer uma campanha educativa e de informação. Tudo isto porque as empresas acabaram com o acesso à internet após a franquia, o que provocou ações na justiça por parte dos Procons. Para as operadoras, contudo, não há ilegalidade nesta medida.

Leia mais 0 Comentários
Shutterstock-archerix_internet_geral_abastrata_relogio
Destaque da editora

Oi ficará sem acordo de acionistas para fortalecer presença no Brasil

A aprovação, nesta segunda-feira, 20, da venda da PT pela União Europeia, é mais um degrau ultrapassado pela Oi na construção de seu novo caminho. Até outubro, acreditam seus principais executivos, a operadora brasileira terá concretizado a intenção de pulverizar seu capital e transformar o conselho de acionistas em um fórum que delibera por maioria, e não mais por acordo de acionistas, que “amarrava” o voto dos controladores. Com a conclusão da venda de seu principal ativo fora do país, a Oi tira o foco do financeiro e volta-se para o posicionamento estratégico e melhoria operacional.

Leia mais 0 Comentários
antenas_09
Regulação

Dilma sanciona Lei das Antenas, mas veta manifestação da Anatel

A presidente Dilma Rousseff sancionou hoje a lei 13.116/15, que unifica as regras de instalação de antenas de celular em todo o país. As prefeituras terão, a partir de agora, que se manifestar sobre a instalação das torres de celulares em prazo máximo de 60 dias. Se isto não ocorrer, as operadoras poderão instalar seus sites, cumprindo as regras municipais. Foi vetado o item da lei que previa a autorização da Anatel, caso a administração municipal não se manifestasse sobre o pleito dentro do prazo estipulado.

Leia mais 0 Comentários
shutterstock_ Toria_telefonia_fixa_fibra_otica_geral_abastrata
Operadoras

TIM prepara-se para instalar três mil small cells nos grandes centros urbanos

A TIM está apostando alto nas pequenas estações rádio-bases – a small cells – para melhorar a capacidade de sua rede de dados e, consequentemente, a qualidade do serviço. Segundo o CTO da operadora, Leornardo Capdeville, em cerca de mais um mês a empresa fechará a negociação com os fabricantes, para a aquisição de um volumoso lote pelo menos três mil equipamentos, a serem instalados no período de três anos. “ A small cell só se consolidou como opção tecnológica viável no final do ano passado”, assinalou o executivo, que fez alguns testes-pilotos com diferentes soluções e agora está pronto para comprar o produto em larga escala.

Leia mais 0 Comentários
shutterstock_Peshkova_Consumidor_Economia_Concorrencia_Competicao_Disputa
Regulação

Área técnica da Anatel propõe negar transferência de controle da Eletronet

A decisão, cujo relator é o conselheiro Rodrigo Zerbone, foi adiada por mais três meses, devido a complexidade do tema. Ela é complexa porque se trata de um pedido de transferência de controle de uma massa falida, que ainda funciona, e que chegou a ser a alternativa para a construção do backbone da Telebras, o que acabou não ocorrendo. O caso está para avaliação da Anatel desde 2004.

Leia mais 0 Comentários