Aumenta perspectiva de investimentos em P&D no Brasil em 2012


O Brasil e a Alemanha lideram na previsão de aumento de investimentos em pesquisa e desenvolvimento em 2012, onde 44% dos empresários esperam elevar seus gastos no setor, visando crescimento de longo prazo. Os dados são de estudo da consultoria Grant Thornton com 2800 empresas em 40 países.

 

“As empresas brasileiras estão enfrentando um ambiente altamente competitivo com muitas empresas estrangeiras começando a operar localmente e trazendo suas tecnologias de produção e processos. Para enfrentar esse cenário e permanecerem atrativas, os executivos precisam desenvolver seus próprios produtos e serviços”, afirmou Douglas Oliveira, sócio da Grant Thornton Brasil, em comunicado.

 

Na divisão por setores da indústria, as empresas de tecnologia são as que lideram o ranking, com 39% planejando aumentar seus investimentos em P&D, ante média global de 25%. As empresas do setor também são as mais otimistas com relação a receitas e lucros em 2012, com expectativa de crescimento entre 64% e 44% respectivamente.

 

Globalmente existem evidências que as empresas estão olhando para P&D como forma de expansão de suas operações, afirma a consultoria. A proporção de empresários que espera aumentar os investimentos em P&D em 2012 cresceu de 21% no 3º trimestre para 25% no 4º trimestre. “Investindo em P&D as empresas estão pensando no longo prazo. No curto prazo, as companhias podem sobreviver explorando ao máximo seus produtos e serviços, porém isso certamente afetará as projeções futuras de crescimento. Os que estão de olho nessa área terão boas recompensações”, disse Oliveira. (Assessoria de imprensa)

Anterior Anatel publica cautelar mantendo o Ruralcel
Próximos Facebook vai mostrar anúncios também nos aparelhos móveis