AT&T amplia alcance na América Latina por acordo de interconexão com América Móvil


A AT&T e a América Móvil, dona da NET, Claro e Embratel no Brasil, anunciaram nesta quarta-feira (18) um acordo para melhorar as conexões de rede para empresas que operam na América Latina. Segundo a AT&T, que detém 9% das ações do grupo mexicano, o acordo prevê melhorias que resultarão em maior cobertura regional e maior alcance nos países. 

Com a interconexão com as redes das empresas do grupo América Móvil, os clientes da AT&T passam a ter acesso a 15 mercados latino-americanos, com mais de 2.000 nós MPLS para serviços IP, assim como mais de 50.000 POPs de serviço/acesso cobrindo: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, República Dominicana, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Paraguai, Peru e Uruguai. Ainda, estarão disponíveis cerca de 91 mil milhas de redes de fibra óptica de empresas do grupo América Móvil na região, além de 12 centros de dados na América Latina. A disponibilidade Ethernet será aumentada na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador e Peru.
 

No caso da América Móvil, a interconexão  com a rede global da AT&T levará os serviços MPLS a 163 países, através de 3.800 nós de serviços e 38 centros de dados on-net, no mundo. (Da redação)
 

Anterior STJ confirma que Google Brasil está obrigada a quebrar sigilo de e-mail de investigados
Próximos Embratel fecha contrato com Grupo CCR