Assembléias da BrT aprovam o fim das ações judiciais


 As assembléias gerais e extraordinárias da Brasil Telecom Participações e Brasil Telecom S.A. aprovaram hoje, por unanimidade, a proposta de retirada das ações judiciais de seus sócios – fundos de pensão, Citibank e Opportunity – em todas as instâncias. Esta deliberação é um passo importante- além das questões regulatórias que precisam ser equacionadas – para …

 As assembléias gerais e extraordinárias da Brasil Telecom Participações e Brasil Telecom S.A. aprovaram hoje, por unanimidade, a proposta de retirada das ações judiciais de seus sócios – fundos de pensão, Citibank e Opportunity – em todas as instâncias. Esta deliberação é um passo importante- além das questões regulatórias que precisam ser equacionadas – para que a BrT possa ser comprada pela Oi. A decisão tem um simbolismo especial porque a aprovação se deu com os votos dos acionistas minoritários, já que os controladores envolvidos diretamente com a questão não podiam votar.  ( Da Redação )   

Anterior Com novo sócio, Unicel corre contra o tempo.
Próximos Entidades pedem a revogação do decreto da troca de metas