As etapas da compra da Telecom Italia


A operação para a espanhola Telefónica aumentar sua participação na Telecom Italia terá três fases e inclui uma recompra de bônus com ações próprias, o que aumenta o valor total da operação para cerca de €880 milhões. O primeiro passo será um aumento de capital de €323 milhões, no qual a Telefónica receberá ações sem direito a voto. Em consequência, a participação econômica da operadora espanhola será de 66%, porém não sobre o controle acionário. Assim, de acordo com informe enviado pela Telefónica à CNMV (Comisión Nacional del Mercado de Valores) – equivalente à CVM no Brasil – permanece inalterado o pacto atual de governo na Telco e, “portanto, todas as obrigações da Telefónica de se abster de participar ou influir nas decisões que afetem os mercados nos quais as duas operadoras estão presentes”. A Telco destinará os recursos aportados pela Telefónica para reduzir a dívida da Telecom Italia.

Em seguida, à espera das manifestações dos órgãos reguladores, inclusive à da Anatel e sua congênere argentina, a Telefónica subscreverá um segundo aumento de capital na Telco, no valor de €117 milhões. E, ainda dessa vez, receberá ações sem direito a voto. (Da Redação, com El País)

Anterior Mediobanca confirma venda à Telefónica
Próximos A finalização do negócio entre Telefónica e Telecom Italia