As vendas de PCs da Apple praticamente estagnaram no período de abril a junho. Segundo dados revelados pela consultoria IDC, a companhia da maçã vendeu 4,3 milhões de Macs no segundo trimestre – uma alta de 0,1%. Assim, a Acer, que cresceu 1,3% no período, encostou na concorrente norte-americana. Agora, ambas disputam o quarto lugar no ranking mundial das cinco principais marcas de computadores pessoais do mundo.

A HP segue líder do segmento. A empresa vendeu 14,86 milhões de PCs no mesmo período, 7,6% mais que um ano antes. Já a Lenovo ficou em segundo, com 13,75 milhões de unidades vendidas. A Dell manteve o terceiro lugar, com 11,25 milhões de peças vendidas.

A Lenovo, no entanto, foi a marca que mais avançou: 11,3%. O motivo está no aumento das vendas, mas também devido à incorporação da marca japonesa Fujitsu no segmento de computadores, joint venture anunciada em novembro de 2017. Sem a aquisição ocorrida no período, o avanço da Lenovo teria sido de 5,4%.