André Borges não ocupará cadeira no conselho da Telebras


A Telebras divulgou hoje, 02, nota ao mercado afirmando que André Borges, secretário de telecomunicações do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) não será nomeado integrante do conselho de administração da empresa.

Há duas semanas, a empresa publicou nota em que colocava Borges como substituto de Demi Getschko no board da estatal. Na ocasião, a empresa afirmava que Borges teria assento garantido até a próxima assembleia geral ordinária da companhia, em 2017.  A empresa não explicou o motivo da não nomeação.

Anterior TV digital: o inesperado lixo eletrônico e a corrida por soluções de reciclagem
Próximos Kassab minimiza impasse com orçamento da RNP