Ancine reforça ação de combate à pirataria no setor


Logo-Ancine-2017Depois de votar contra, a Ancine decidiu criar uma coordenação de combate à pirataria, atendendo a recomendação do Conselho Superior de Cinema e a reivindicações de produtores de conteúdo. A nova estrutura terá a atribuição de coordenar o Programa de Combate à Pirataria; propor e gerir acordos, convênios e parcerias com outras instituições públicas e privadas para o aprimoramento das atividades pertinentes ao Combate à Pirataria. Além disso, a coordenação deve planejar, desenvolver e executar os projetos, programas ou ações educativas, de articulação e de proteção à indústria audiovisual relacionados ao combate à pirataria.

Também será tarefa da nova coordenação da Ancine produzir estudos e propor entendimentos relativos ao tema; propor a regulamentação de matérias para coibir a pirataria e auxiliar e atuar na representação da agência em fóruns e instituições relacionadas ao tema do combate à pirataria. O Ministério da Cultura estima que a pirataria dê um prejuízo de R$ 2 bilhões ao PIB. Segundo a pasta, são mais de 13 mil títulos copiados.

PUBLICIDADE
Anterior Vivendi perde o controle da Telecom Italia
Próximos Novos notebooks da Samsung custam até R$ 9 mil