Anatel vai esperar 4G ter mais clientes para exigir metas de qualidade


 

O presidente da Anatel, João Rezende, afirmou hoje que a agência também vai exigir as mesmas metas de qualidade para a banda larga 4G, iguais às estabelecidas para as demais redes de dados móvel e fixa. Entre as metas, as operadoras devem entregar até o final deste ano 60% da velocidade comercializada; 70% em 2013 e 80% em 2014.

 

Ele disse que estas metas passarão a ser cobradas quando a tecnologia 4g “ganhar importância” frente a base total de assinantes. Mas salientou que elas terão que ser cumpridas.

 

Rezende afirmou ainda que, em dezembro, serão  divulgados pela Anatel os primeiros resultados da medição que será realizada por milhares de usuários.

Anterior Oi mostra a rede 4G e vai investir R$ 1 bi na tecnologia até 2015
Próximos Separação funcional: "Oi está muito longe desta etapa", afirma Valim.