Tarifa de DDD da Embratel/Claro aumenta 6,27%


A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou hoje, 3, o novos valores máximos para tarifas de STFC em longa distância que a Claro poderá cobrar em seus planos básicos. A agência também determinou que, a partir de hoje, os reajustes para a companhia serão feitos sempre, quando for o caso, no começo de julho, tendo como referência o IST registrado até março. A empresa já pode cobrar os novos valores. Abaixo, os valores ajustados, conforme a distância e sem incidência de impostos.

SETORES 1 A 34 (TODO O BRASIL)
Degrau Característica ou Distância Geodésica (km) VALORES EM R$ POR MINUTO HORÁRIO DE TARIFA
Diferenciada Normal Reduzida Super-Reduzida
D1 <50 0,17125 0,12088 0,06843 0,03417
D2 >50<100 0,38738 0,21346 0,11483 0,057
D3 >100<300 0,43286 0,32339 0,18353 0,08873
D4 >300 0,54308 0,39353 0,24481 0,11829

 

Anterior Cidades inteligentes brasileiras no foco da Huawei
Próximos JP Morgan passa a ter 7% da Telecom Italia