Anatel já licencia terminais M2M com menos imposto


Depois da fase de represamento da Anatel, finalmente os primeiros terminais M2M que podem ser comercializados nos Brasil com redução da taxa do Fistel (Fundo de Fiscalização das Telecomunicações) já começaram a entrar nas redes de telecomunicações. Segundo Arthur Coimbra, diretor do departamento de Banda Larga do Ministério das Comunicações, foram comercializadas em setembro deste ano as primeiras 40 mil máquinas com taxas de Fistel 80% menores.

Na primeira reunião da câmara setorial – que reúne diferentes órgãos do governo, e dos distintos setores da economia- Coimbra estimou que até 2016 deverão estar conectados no Brasil mais de 23 milhões de terminais M2M, crescimento de 33%.

Anterior Grupo Espírito Santo, controlador da Oi, decreta falência
Próximos Retirada de pauta e pedidos de vista adiam decisões na agência