Anatel disponibiliza dados parciais sobre programa de conexão das escolas


A Anatel atendeu parcialmente á sugestão feita pelo Conselho Consultivo de dar mais transparência ao Programa Banda Larga nas Escolas, que prevê a conexão à internet de 64 mil instituições de ensino públicas urbanas. Um link sobre o programa foi colocado na página inicial do site da agência. Porém, a informação mais requisitada, especialmente por …

A Anatel atendeu parcialmente á sugestão feita pelo Conselho Consultivo de dar mais transparência ao Programa Banda Larga nas Escolas, que prevê a conexão à internet de 64 mil instituições de ensino públicas urbanas. Um link sobre o programa foi colocado na página inicial do site da agência.

Porém, a informação mais requisitada, especialmente por parlamentares, que é a relação das escolas já conectadas, não está disponível no link. As informações se limitam a uma breve descrição do programa, o resumo da política pública que resultou no programa, as especificações das conexões e indicações para solicitação de reparos e reclamações.

A solicitação por mais visibilidade às ações do programa foi feita pelo secretário de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Roberto Pinto Martins, que representa o Executivo no conselho. Ele relatou que, em audiência pública na Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara, ficou surpreso com o desconhecimento dos deputados sobre o programa. Alguns parlamentares chegaram a afirmar que as escolas dos seus estados não estavam sendo beneficiados pelo programa.

Anterior Minicom perde R$ 272 milhões com contingenciamentos
Próximos TV paga por satélite fica com mais de 80% dos novos clientes