Anatel concluirá estudo sobre chamadas da TIM até final do ano


A Anatel deverá concluir até o final do ano os estudos sobre os motivos das quedas de chamada da TIM até o final do ano, informou o membro do conselho diretor da agência, Jarbas Valente. A agência avalia se as quedas foram decorrentes de problema operacional ou se houve interferência da companhia. A TIM, que comercializa planos em que o usuário paga apenas pelo primeiro minuto de ligação e fala ilimitado, está sendo acusada de derrubar propositalmente as chamadas. 

 

A derrubada proposital de chamadas poderia ter prejudicado 8,17 milhões de usuários em todo o Brasil. Segundo o relatório divulgado pela agência a época da denúncia, as chamadas interrompidas resultaram em mais de 16 milhões de ligações e gastos R$ 4,3 milhões pelos usuários em um único dia, diz o relatório.

Jarbas, no entanto, preferiu não comentar possíveis sanções à operadora que em julho – juntamente com a Oi, Claro – teve as vendas de chips suspensas pela Anatel por conta de problemas na prestação do serviço. Ele lembrou que a partir de novembro a agência passará a divulgar o balanço dos planos apresentados pelas operadoras para melhorar o nível do serviço para voltarem a vender novas linhas.    

Anterior TCU promove debate com setor privado sobre contratação pública de TI
Próximos Juiz paulista manda YouTube tirar vídeo anti-islã do ar