Anatel aprova sem restrição o ato de concentração de compra da Intelig pela TIM


O conselho diretor da Anatel aprovou nesta quinta-feira (27) o ato de concentração da compra da Intelig pela TIM, sem restrições. O processo agora será enviado para apreciação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), após a publicação do ato no Diário Oficial da União. Em agosto do ano passado, a agência havia concedido anuência …

O conselho diretor da Anatel aprovou nesta quinta-feira (27) o ato de concentração da compra da Intelig pela TIM, sem restrições. O processo agora será enviado para apreciação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), após a publicação do ato no Diário Oficial da União.

Em agosto do ano passado, a agência havia concedido anuência prévia para a realização da operação, anunciada em abril de 2009. Mas impôs um prazo de 18 meses para a devolução das possíveis sobreposições de licença na telefonia fixa e na longa distância. Na prática, a TIM terá que optar pelo uso de um único código de seleção de prestadora – entre o 23, da Intelig, e o 41, da TIM. (Da redação)

Anterior STF adia julgamento da adin contra decreto da TV digital
Próximos Brisa amplia atuação para o Nordeste