Anatel adia por 60 dias decisão sobre proposta do PGMU


O Conselho Diretor da Anatel prorrogou por mais 60 dias o pedido de vista do presidente Ronaldo Sardenberg da proposta de revisão do Plano Geral de Metas de Universalização (PGMU 3), a ser implementado no período de 2011 a 2015. A matéria perdeu a urgência na agência, depois que o prazo de publicação do decreto instituindo o novo plano foi adiada novamente para 30 de junho.

Na reunião realizada nessa terça-feira (19), o Conselho Diretor também postergou a decisão sobre a análise de recursos e petições, bem como adjudicação e homologação do leilão da banda H, realizado em dezembro do ano passado. A conselheira Emília Ribeiro pediu vista da matéria, que deverá voltar à pauta na próxima reunião.(Da redação)

Anterior Frente parlamentar defende marco regulatório da Comunicação
Próximos Brasil terá um computador para cada dois habitantes até o início de 2012