Anatel adia decisão sobre o Speedy para semana que vem


Em função do pedido de vistas do conselheiro Plínio de Aguiar Jr, a Anatel adiou a decisão sobre a suspensão da medida cautelar que proibe a comercialização do Speddy, serviço da Telefônica, para quarta-feira que vem. O processo já tem o parecer das duas superintendências envolvidas, que recomenda a suspensão de parte da cautelar, mas …

Em função do pedido de vistas do conselheiro Plínio de Aguiar Jr, a Anatel adiou a decisão sobre a suspensão da medida cautelar que proibe a comercialização do Speddy, serviço da Telefônica, para quarta-feira que vem. O processo já tem o parecer das duas superintendências envolvidas, que recomenda a suspensão de parte da cautelar, mas o conselheiro Plinio de Aguiar disse que, em função de a relatora da matéria, conselheira Emília Ribeiro, ter entregue seu parecer ontem muito tarde, ele não teve tempo de avaliá-lo.

Em nota, a Telefônica informou que está pronta para retomar as vendas do Speedy em todo o Estado de São Paulo e aguarda a decisão para reiniciar a comercialização. No comunicado, a empresa enfatiza que ampliou a infraestrutura de acesso à rede, modernizou suas centrais de atendimento e lojas e promoveu amplo programa de treinamento de funcionários para melhorar o serviço.

Anterior Crescimento do mercado e 2,5 GHz atraem dirigentes da GSMA para o Brasil
Próximos Agência também transfere decisão sobre modelo de custo para próxima reunião