América Móvil registra queda na receita no 1º tri


A América Móvil, dona da Claro Brasil, registrou queda de 3,1% na receita do primeiro trimestre, comparando-se com o mesmo período de 2018. A empresa mexicana apresentou receitas de 245,7 bilhões de pesos, o que equivale a US$ 12,9 bilhões. Os resultados foram divulgados na noite de ontem, 29.

Mesmo com receitas mais baixas a companhia apresentou um EBITDA mais alto em função da redução de despesas. Estas encolheram 6% na comparação ano a ano.

Já o EBITDA (lucro antes de impostos, depreciação e amortização) cresceu 4,22%, atingindo 75 bilhões de pesos (US$ 3,96 bilhões). O lucro líquido aumentou 3,6%, chegando ao equivalente a US$ 1,02 bilhão. A companhia terminou março com dívida líquida de US$ 30,8 bilhões, 3,2% acima do registrado em março em 2018.

Aqui no Brasil a companhia diz ter encerrado o período com redes FTTH ativadas em 30 cidades. A receita média por usuário móvel foi de R$ 18, alta de 11%. O churn da operação brasileira foi de 3,8%, uma redução frente os 4% de 2018.

Anterior Anatel abre nova consulta pública de proposta de destinação da banda S
Próximos Rede da Oi na Rio2C teve 780 mil acessos em seis dias