Algar, Claro e TIM perdem mercado em abril e MVNO cresce


Shutterstock/PureSolution
Shutterstock/PureSolution

O mercado brasileiro de telefonia celular fechou o mês de abril com 242,335 milhões de chips em serviço, queda de 0,19% em relação a março deste ano. Foram desligados 445 mil aparelhos.

Algar, Claro e TIM foram as únicas que perderam base. A Algar fechou o mês com menos 1,2 mil clientes, e base de 1,339 milhão de assinantes; a Claro perdeu 29 mil clientes, fechando com 60,207 milhões de usuários; e a TIM perdeu 519 mil celulares, ficando com uma base de 61,348 milhões.

A Vivo continua a liderar o mercado, com 74,074 milhões de clientes (agregou mais 77,3 mil em sua planta) e a Oi estável a sua clientela, adicionando apenas 3,9 mil novos clientes, ficando com a base de 42,081 milhões.

MVNO

O desempenho da MVNO Porto Seguro e Datora está sendo mais agressivo do que nos anos anteriores. Em abril, as Porto Seguro cresceu 1%, passando para uma base de 484 mil conexões e a Datora, cresceu 0,95%, para 118,2 mil conexões.

Segundo a Anatel, a Datora cresceu em um ano, abril/abril 108% e a Porto Seguro, 33%.  As duas são especializadas em IoT.

LTE

A tecnologia 4G continua em franca expansão. Já são 74 milhões de aparelhos com LTE, aumento de 112% em relação a abril do ano passado.

Anterior Abrint vê fontes alternativas para levar banda larga ao interior
Próximos Banda larga fixa tem ligeiro crescimento

2 Comments

  1. 31 de Maio de 2017

    Se a Oi tivesse uma cobertura maior, a Vivo nao seria lider nunca.

  2. Valdemir Lins da Silva
    1 de junho de 2017

    Concordo plenamente com você, moro em George Oétterer em Iperó, não temos opções de operadora a não se a máfia da vivo