Alcatel-Lucent será integradora de novo serviço IPTV da Oi


A Alcatel-Lucent foi escolhida pela operadora Oi para realizar a integração de seu novo serviço de IPTV, previsto para entrar em operação comercial no fim do 3º trimestre . Segundo Jônio Foigel, presidente da empresa no Brasil, a entrega de conversores aos usuários também será uma atribuição da companhia durante o primeiro ano. A escolha foi anunciada durante o Investor Day da Oi em Nova York na semana passada. “Vamos fazer toda a integração da plataforma Microsoft com as redes de fibra e de IP”, disse hoje (23), em São Paulo.

4G

Após ficar fora do processo de implementação da frequência 3G no Brasil, Foigel garante que não repetirão o mesmo erro com o LTE. “Na época do leilão da 3G nós estávamos no meio de nossa fusão”, disse. “Perdemos o timing. Mas isso serviu de lição, agora estamos cientes de que precisamos estar um passo à frente dos concorrentes”. Segundo ele, a Alcatel-Lucent já realizou testes bem sucedidos na frequência 4G em parceria com diversas operadoras.

A empresa oferece um desenho de rede com solução para LTE baseada em sites macro e em metro células, como forma de driblar problemas de licenciamento municipal de antenas cada vez mais comuns no Brasil. “Nossas metro células são responsáveis por incrementar a qualidade da cobertura das ERBs, além de possibilitar o redirecionamento do recurso de rede para onde o tráfego de dados se encontra”, explica Osvaldo di Campli, presidente para a região do Caribe e América Latina da Alcatel-Lucent. “Saímos na frente nesse ponto, tanto é que hoje em dia vemos a concorrência investir em tecnologias semelhantes. Nossas metro células podem ser instaladas até mesmo em alguns semáforos que possuem cabos de fibra dentro do poste. É um eco sistema completamente novo”.

 

Anterior IBM lidera o mercado brasileiro de armazenamento
Próximos Leilão das faixas de telefonia rural e 4G será dia 12 de junho