Alcatel-Lucent quebra recorde de transmissão de dados transoceânicos


A Alcatel-Lucent quebrou um novo recorde de quantidade de dados que podem ser transmitidos em distâncias transoceânicas em uma única fibra óptica. Em um teste realizado no campus da Cidade da Inovação da Alcatel-Lucent em Villarceaux, próximo a Paris, pesquisadores da Bell Labs enviaram com sucesso dados a velocidades de 31 Terabits por segundo (Tbps) …

A Alcatel-Lucent quebrou um novo recorde de quantidade de dados que podem ser transmitidos em distâncias transoceânicas em uma única fibra óptica. Em um teste realizado no campus da Cidade da Inovação da Alcatel-Lucent em Villarceaux, próximo a Paris, pesquisadores da Bell Labs enviaram com sucesso dados a velocidades de 31 Terabits por segundo (Tbps) em mais de 7200 km – uma capacidade três vezes superior à dos mais avançados cabos submarinos comerciais.

 

Conseguiu-se isso com um span – a distância entre amplificadores mantendo-se o comprimento inteiro – de 100 km. Os pesquisadores alcançaram a maior capacidade já registrada de transmissão de dados submarinos em uma única fibra.

 
O experimento usou 155 lasers, cada qual operando a uma frequência diferente e transportando 200 Gbit/s sobre uma rede de frequência de 50 GHz para melhorar drasticamente o desempenho dos sistemas atuais de WDM (Wavelength Division Multiplexing), que hoje estão sendo implantados com velocidades de até 100G. ( Assessoria de Imprensa).



Anterior India deve proibir compartilhamento de frequências
Próximos TIM Fiber pressiona via publicidade em disputa contra o combo