Alcatel-Lucent encerrou 2009 com prejuízo


A Alcatel-Lucent encerrou o ano de 2009 com resultado líquido negativo de € 524 milhões. Embora tenha alcançado seus objetivos na redução de custos, a empresa registrou perdas operacionais de € 56 milhões no exercício, e o volume de negócios diminuiu 10,8%, para € 15,16 bilhões, em relação ao resultado de 2008. O cash-flow alcançou …

A Alcatel-Lucent encerrou o ano de 2009 com resultado líquido negativo de € 524 milhões. Embora tenha alcançado seus objetivos na redução de custos, a empresa registrou perdas operacionais de € 56 milhões no exercício, e o volume de negócios diminuiu 10,8%, para € 15,16 bilhões, em relação ao resultado de 2008. O cash-flow alcançou € 886 milhões no ano. No quatro trimestre, a companhia registrou resultado líquido positivo de € 271 milhões, embora as receitas tenham recuado 20%, para € 3,97 bilhões, na comparação com igual período do ano anterior.

Para o CEO da companhia, Ben Verwaayen, houve progresso operacional. "As receitas entraram na faixa inferior indicada para o ano, devido ao fato de que nosso quarto trimestre não foi tão forte quanto o esperado. No entanto, estou incentivado pelo forte e constante crescimento em nossos pedidos e pelo passo acelerado que estamos dando com as tecnologias de próxima geração, conforme evidenciado por nossa escolha pela AT&T como empresa fornecedora de LTE", destacou.

O CEO considera que 2010 será um ano mais favorável, com ambiente econômico mais estável e com um explosivo crescimento da internet móvel. "Como parceiro de nossos clientes na migração para IP e LTE, estamos bem posicionados para nos beneficiar desse crescimento e estamos no caminho certo para nos tornarmos uma empresa normal até 2011."

Em um ambiente econômico global com mais estabilidade, a companhia está confiante em sua capacidade de crescer e aumentar suas margens de lucro em 2010. A expectativa é de crescimento nominal (definida entre 0% e 5%) para o mercado de equipamentos de telecomunicações e serviços relacionados; e de atingir uma margem operacional entre 1% e 5%.

Para 2011, a Alcatel-Lucent continua a aspirar uma margem operacional ajustada em aproximadamente 5% (definida entre 5% a 9%), dependendo do crescimento do mercado. (Da redação, com assessoria de imprensa)

Anterior Agora Telecom: planos de crescimento com a banda larga.
Próximos Nextel defende redução da VU-M para R$ 0,18