Aceleradora vai investir até R$ 200 mil em startups de telecom


Business vector created by Timmdesign - Freepik.com
Business vector created by Timmdesign – Freepik.com

A aceleradora de empresas Darwin Startups abriu uma nova seleção de empresas interessadas em participar de seu programa. As inscrições vão até o dia 16 de junho. Podem se candidatar startups de todo o Brasil, embora a aceleração deva se dar em Florianópolis ou São Paulo.

O objetivo da iniciativa, que já acelerou 45 empresas, é oferecer recursos e oportunidades para startups nas áreas de seguros, fintech, telecom e big data. Estes segmentos foram definidos em parceria com investidores, as empresas B3, Neoway, RTM, TransUnion e Grupo J. Safra.

Os principais critérios avaliados durante o processo seletivo serão: a solução da startup (e o problema que ela resolve), a qualificação e engajamento dos empreendedores, o tamanho do mercado alvo da solução oferecida, e o nível de maturidade do negócio.

Na sétima turma, o programa de aceleração irá oferecer às startups selecionadas investimento inicial de R$ 200 mil, em troca de participação minoritária de 7% na empresa. Este valor pode ser ampliado após o período de aceleração, caso haja necessidade de mais capital pela startup.

Somando todos os investimentos realizados em 2019 por Darwin e investidores, o valor total será de R$ 10 milhões. Além do aporte financeiro e acompanhamento próximo por parte do Darwin e de seus parceiros corporativos, as startups selecionadas passarão por um período de aceleração com quatro meses de duração, com início em agosto, em que receberão mentorias, conexões, acesso ao mercado, além de todo o suporte necessário — como jurídico, contábil e psicológico — para acelerar seu crescimento.

As empresas selecionadas terão acesso também a espaços de coworking (CUBO em São Paulo e ACATE em Florianópolis), apoio estratégico e mentoria de empreendedores e ferramentas. No total, os serviços oferecidos podem chegar a R$ 500 mil em benefícios, incluindo o acesso a Cloud Service, CRMs e ferramentas de Marketing Digital, diz a Darwin.

Anterior Tele sugere alteração de regulamento antes de atualizar compromissos adicionais para TACs
Próximos Governo ainda não decidiu sobre privatização dos Correios, diz Pontes